Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Style You

Por João Miguel Barbosa

As Calças de ganga

Existem calças de ganga certas para cada tipo de corpo!

 

Não há mulher que passe sem as suas calças de ganga. Encontrar o par perfeito de calças de ganga pode ser uma tarefa árdua!

 

A ter em conta as principais dicas de como escolher as calças de ganga certas e para cada tipo de corpo:

 Mulheres Pequenas

- Para as mulheres pequenas as calças deve ter cintura baixa e ajustada ao corpo
- Tenha também em conta que as calças com muitos detalhes, bolsos laterais e barra dobrada achatam a silhueta

 

Mulheres com pernas compridas
- As calças com a barra dobrada são indicadas para esse tipo de corpo
- Já as calças com boca-de-sino, deixam a silhueta ainda mais alongada

 

Mulheres magras
- As calças menos ajustadas ao corpo são as que mais ajudam a “engrossar” as pernas. Calças do tipo cargo e com detalhes criam a ilusão de volume. Desgastes na região da perna, bolsos faca e botões grandes também fazem parte dos truques para as mulheres mais magras

 

Gordinhas
- Calças tradicionais com bolsos ou sem bolsos, são as mais apropriadas. O corte das calças deve ser recto e o tecido deve conter elasticidade sem ser justo. As gangas escura, além de estarem na moda, têm a função de disfarçar

 

Corpo curto
- As calças de cintura baixa dão a ilusão de ter o tronco alongado e curvilíneo
- A evitar as calças de cintura alta, pois cortam a silhueta

 

Corpo quadrado
- As mulheres que têm ancas e cintura rectas, devem usar calças de cós mais baixo. Isso ajuda a criar uma silhueta mais bonita

 

Coxas grossas
- Quem tem as coxas grossas deve evitar modelos como “cigarrete” e calças com “strech”
- As calças com corte recto e sem bolso frontal são as melhores para disfarçar o volume das pernas

 

Rabo grande
- Prefira as calças mais folgadas nas ancas e com bolsos traseiros grandes. Isso ajuda a disfarçar o volume do rabo
- As calças mais escuras são as ideais e calças com “strech” ou justas são as grandes inimigas das mulheres de rabo grande

 

Rabo pequeno
- As calças com bolsos traseiros cheios de aplicações e detalhes, são óptimas para dar a sensação de volume
- Uma dica fundamental é evitar as calças com “elastano” ou de tecidos duros, pois achatam o rabo

 

Style you

Concurso Sangue Novo da ModaLisboa

Capture.JPG

As candidaturas para a próxima edição do Concurso Sangue Novo da ModaLisboa decorrem desde 11 de dezembro de 2017 até 12 de janeiro de 2018.

 

O Sangue Novo destina-se a finalistas de cursos superiores e cursos profissionais em Design de Moda de escolas nacionais e internacionais e a jovens designers em início de carreira. Para participar, os candidatos deverão entregar um projeto original, de Homem e/ou Senhora, para o outono/inverno 18/19.

Inovação, irreverência e criatividade são os critérios do júri, que selecionará entre 8 a 10 projetos para serem apresentados no desfile Sangue Novo, na 50ª edição da ModaLisboa, em março de 2018.

 

O autor da melhor coleção receberá um prémio da ModaLisboa no valor de 5000 euros e um summer course numa das mais prestigiadas academias italianas de moda, Domus Academy, ou NABA – Nuova Accademia di Belle Arti Milano, em Milão. O vencedor terá também entrada direta no Sangue Novo de outubro de 2018.

Um dos designers será convidado a apresentar o seu trabalho e a representar Portugal no FashionClash, Festival de Moda Holandês que reúne talentos de todo o mundo.

 

Ver o regulamento aqui.

(Notícia ModaLisboa)

Os Vestidos T-shirt

Práticos, versáteis e confortáveis os vestidos t-shirt estão sempre na Moda!

 

Com comprimentos que variam do longo aos curtíssimos, o Verão tem como mote facilitar e/ou simplificar o visual das mulheres. Carregado de conforto e praticidade, a moda assume ares práticos e elege peças básicas como alguns dos destaques da temporada.

 

Assim, temos na leveza e versatilidade das t-shirts uma das grandes apostas para a estação de dias quentes; já que além das formas tradicionais, elas chegam ainda em versões alongadas, denominadas de “t-shirt dress” ou “t-dress”, não passam de uma camisola ou t-shirt com comprimento prolongado, em geral, até a altura da coxa.

 

Devido ao seu modelo amplo e solto, este vestido torna-se numa muito uma boa opção para quem deseja disfarçar algumas imperfeições ou quilos a mais ainda resultantes do Inverno. Outra vantagem está na forma do modelo, sem grandes interferências na silhueta, a qual permite que se invista em acessórios, como cintos e lenços para torná-la cintada, ou tão somente combinar com calças muito justas, afim de equilibrar as proporções do coordenado.

 

As dicas a ter em conta são:

- Pode-se optar por usar tanto como peça-única ou como top

- Usar sempre com calças ou saias justas, para equilibrar o visual

- Para valorizar o visual usar com saltos altos, blazers e não esqueçer de complementar com acessórios

Devido a uma grande versatilidade, os t-shirt dresses chegam como peças a ter e prometem conquistar o Verão. Para todo o tipo de visual, desde casuais, simples ou sofisticados, o minimalismo deste vestido irá garantir o sucesso de muitas produções na próxima estação!

 

Style you

Nova Campanha

helmut lang.jpg

A Helmut Lang não foi mais a mesma após a saída de Lang e a perda de identidade, uma vez criada pelo estilista austríaco, gradualmente foi-se esvanecendo com a entrada de novos directores criativos.

 

No entanto, a retomada do DNA da marca parece estar finalmente de volta com a reinserção de seus valores originais — seja, por exemplo, pelo desfile de Verão 2018 ou pela mais nova colecção - Helmut Lang Taxi Project.

 

A marca, agora comandada por Isabella Burley, tem vindo a ser cada vez mais certeira em relação à sua tarefa original de reviver o legado de Lang com as novas colecções, uma vez que as actuais transformações voltam a gerar frisson em quem já sentia saudades da marca.

 

Assim como no Verão 2018, proposto por Shayne Oliver, a colecção também se propõe a relembrar os antigos feitos, como há quase 20 anos, em 1998, quando Lang ficou conhecido como o primeiro estilista a ter a sua marca divulgada por meio de anúncios nos letreiros dos táxis de Nova York.

Seguindo essa ideia, a recente colecção Taxi produziu t-shirts e sweatshirts inspirados nas imagens originais de Iain R. Webb dos táxis que circulavam pelas ruas da época. Registros que, agora, estampam as costas de uma camisa do projeto, além das sweatshirts com fotos do fotógrafo Alex Leen, que mostram três taxistas reunidos em frente aos seus carros e a usar as peças da nova colecção.

 

Helmut Lang Taxi Project promete ainda reviver o fim dos anos 90 com a circulação de 275 táxis pela cidade com os anúncios da marca nos seus letreiros, ressonantes dos tempos de Lang no seu antigo cargo.

 

Os itens da colecção encontram-se disponíveis no aqui.

O Tom de Pele

É muito importante escolher as cores que melhor se ajustam a cada tom de pele! A melhor opção é sempre aquela que faz com que a cor natural fique ainda melhor do que já é.

 

Muitas mulheres não sabem combinar roupas e acessórios que ajudem a acentuar o tom da sua pele, melhorando assim sua imagem.

 

A ter em conta as dicas sobre como escolher as cores que ficam bem com cada tom de pele:

- A primeira coisa a fazer é identificar o tom de pele que se tem

Normalmente existem 4 tons de pele: Inverno, Verão, Outono e Primavera, assim como as estações do ano

 

O Inverno seria a pele branca pálida, ou amarela e também os olhos tendem a ser claros. As pessoas Verão tem a pele rosada ou pálida e olhos azuis, com cabelos loiros. As Outono tem a pele dourada, com olhos castanhos, mas também pode ser ruivas ou morenas. A Primavera tem olhos azuis ou verdes, com as bochechas rosadas

que 

 

- Depois de saber que tipo de pele se tem, então saber-se-á quais as cores que vão funcionar melhor

Pessoas Inverno devem usar roupas de cores vivas, ou claras mesmo. Por exemplo, encarnado ou branco são melhores do que o dourado e laranja. Para Verão optar por cores suaves, tons neutros e pastéis vão bem, por exemplo, azul, rosa e castanho. Cores como laranja, dourado, castanho escuro são os melhores para as pessoas Outono. O castanho dourado, os pêssegos são boas para Primavera

 

- Geralmente deve-se usar igualmente a cor que melhor combina com o estilo pessoal, então não é necessário discriminar as cores que mais se gosta

 

Tentar o quanto possível, usar cores diferentes, para conferir se o tom de pele melhorou. Se necessário, no momento da escolha ou compra, levar uma máquina fotográfica e tirar uma fotografia com cada peça que se vestir, de cores diferentes - assim a escolha será feita com mais facilidade.

 

Style you

Gucci - Verão 2018

Capture.JPG

Depois de nos brindar com uma campanha com discos voadores, dinossauros, seres extra-terrestres e personagens fotografados por uma lenda do rock a Gucci acaba de revelar sua nova campanha para a colecção de verão 2018.

 

Saem os fotografos Glen Luchford e Mick Rock e entra o artista espanhol Ignasi Monreal e as suas pinturas digitais que nos remetem aos clássicos contos de fadas e nos fazem viajar nas lindas imagens surrealistas.

 

A ver!

A Não Perder!

image.jpg

Qualquer novidade referente à banda britânica The XX é sempre boa e desta vez não poderia ser diferente. O trio publicou recentemente um mini documentário que explora a conexão e paixão intensa e recíproca entre a banda e os seus fãs.

 

Intitulado “We see you – Berlin”, a banda apresenta uma série inédita de imagens e vídeos feitos nos bastidores de um dos seus concertos, em Berlim. Filmado pela cineasta Sylvie Weber e com o apoio do Youtube, o mini documentário aborda, principalmente, o elo que conecta a banda aos fãs por meio dos seus depoimentos e também pela visão de palco dos artistas frente à multidão que os acompanhou durante a tour I See You. “É como se eles transformassem meu diário em letras”, diz uma das fãs.

 

Embora tenha poucos minutos de duração, não houve espaço para que detalhe algum do DNA da banda fosse perdido. “Encontrar pessoas verdadeiramente envolvidas e sinceras não foi difícil, a vulnerabilidade que a banda expõe em suas músicas é a base para sua conexão incrivelmente próxima aos fãs”, conta Sylvie Weber.

 

O grupo pretende publicar mais vídeos para essa série de mini documentários, mas sem previsão da chegada dos próximos.

 

A ver aqui as imagens capturadas em Berlim.