Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Style You

Por João Miguel Barbosa

As 5 Peças Básicas

Cada pessoa tem um estilo diferente e único que a caracteriza - umas preferem calças, outras escolhem vestidos e algumas optam por visuais mais românticos, enquanto outras preferem algo mais casual e confortável. No entanto, existem 5 peças básicas que se deve possuir no guarda-roupa!

 

A ter em conta as peças que podem vir a salvar qualquer pessoa de um apuro, quando não se encontrar nada para vestir:

– Camisa branca

Essa é a peça básica por excelência e que se pode combinar com tudo: para combinar com chapéus, calças, roupa desportiva, saias, calções ou qualquer coisa que se escolha. Seja o modelo de mangas longas ou curtas, é uma peça imprescindível

 

É de uso bastante simples e permite ser combinada de mil formas para se chegar ao efeito desejado: desde o mais informal para sair, ou até para ir trabalhar ou parauma entrevista de emprego Usar uma camisa branca ajuda a suavizar os padrões ou os tons fortes num visual, e é fácil de se combinar

 

– Calças skinny

Este modelo é confortável e muito versátil. Com diferentes cores (desde as clássicas gangas azuis, até às cores atrevidas ou até mesmo os padrões florais), as calças skinny podem ser combinadas praticamente com tudo que se possua, desde ténis, saltos altos, com camisas e camisolas e os mais variados acessórios

 

Apesar de ser uma das roupas mais utilizadas no mundo, as calças skinny são difíceis de escolher: não são todas as cores e cortes que servem para todos os tipos de corpos, por isso ter em atenção e escolher um modelo que ressalte os atributos

 

– Ténis

Além de se ter um modelo para praticar desporto, convém ter outro par extra para um visual mais casual e utilizar para complementar um vestuário de estilo divertido, juvenil e informal

 

Pode-se dar um toque diferente a um vestido ou uma saia que seja muito formal para um domingo de passeio, e podem igualmente ser ideais para o trabalho Uma das marcas mais confortáveis e mais conhecidas são os ténis All Stars, especialmente os tipo bota. No entanto existem muitas outras opções que se pode levar em conta

 

– Botas

As botas voltaram em força, com uma infinidade de desenhos e com um benefício que faz delas um calçado ideal. Longas ou curtas, rasteiras ou com saltos… existe uma infinidade de modelos e se pode usar, de diversas formas e com quase todos os tipos de roupas

 

Escolher um modelo simples e com uma cor neutra como o preto ou ocastanho, para que desta forma se possam as combinar com tudo

 

– Blazer preto

O blazer por si só já é uma peça multifacetada, então se for de cor preta, combina com tudo e simplesmente converte-se numa peça imprescindível  

 

O blazer preto pode ser utilizado em ocasiões informais e formais, com camisas, camisolas e inclusive com vestidos. Igualmente ideal para quer para o Verão ou o Inverno

 

Style you

De Volta!?

fiorucci-campaigns-1200x800.jpg

Parece que, finalmente, a Fiorucci será relançada!

 

No final do ano passado, uma conta da marca foi criada no Instagram cujo perfil informa que o relançamento ocorrerá neste ano, em comemoração aos seus 50 anos – algumas peças da marca já estão a ser vendidas na Barneys de Nova York.

 

Em 2015, a marca foi adquirida por Janie Schaffer, ex CEO da Victoria’s Secret, e desde então aguarda-se seu retorno ao mercado.

 

As fotos compartilhadas pela marca no Instagram relembram os seus tempos áureos, nas décadas de 1970/80, quando Madonna, Cher, Elizabeth Taylor e Grace Jones eram vistas usando peças Fiorucci, que se tornou conhecida por suas camisolas com anjinhos, jeans ultraskinny de todas as cores, galochas igualmente coloridas e padrões irreverentes, sobretudo as camufladas e animal prints.

 

Na época, a flagship de Nova York era ponto quente da cidade, muito frequentada pelos amantes do Studio 54. Foi lá que Andy Warhol lançou a Interview, em 1969.

 

No final da década de 1980, a marca  entrou em caminhos tortuosos com a má gestão de seu fundador. Algumas trocas depois na administração da casa, em 1990 foi adquirida pela empresa japonesa Edwin Co. Ltd.

Como Cuidar dos Sapatos

No geral, uma boa limpeza após o uso e ter cuidado especial quando guardados no armário, faz com que os sapatos durem mais. Contudo para aqueles feitos de camurça, couro ou tecido é necessário uma atenção especial.

 

A ter em conta as 7 principais dicas para que os sapatos durem mais tempo:

- Limpos e arejados
Em primeiro lugar, sempre e em qualquer circunstância, limpar os sapatos antes de serem guardados no armário. Um pano limpo e seco para tirar a poeira já faz toda a diferença. Mas se algo molhou ou marcou os sapatos, é melhor reduzir a chance de qualquer mancha se tornar permanente. Além disso, sempre após usar um ténis ou sapatos fechados, de couro, é interessante deixá-los fora do armário, em local ventilado para arejarem. Isso evita a proliferação de fungos e bactérias que também são responsáveis pelo mau cheiro

 

- Descanso
Convém criar o hábito de intercalar os sapatos. Usar o mesmo par por mais de dois dias seguidos pode deformá-los

 

- Couro hidratado
Limpar os sapatos de couro com um pano de flanela seca. A água pode danificar o material. No entanto, assim como a sua pele, o couro também precisa de hidratação com o passar do tempo. Aplicar hidratante e deixar os sapatos respirar num sitio arejado e longe do sol, isto ajuda a aumentar a vida útil do couro

 

- Camurça protegida
Ao contrário do couro que resiste bem à água da chuva, os sapatos de camurça correm riscos quando expostos aos líquidos. Para protegê-los, investir num spray impermeabilizante para prevenir eventuais manchas. Se ele já está desbotado, apostar numa solução renovadora para minimizar as manchas

 

- De tecido
Calcados de tecido tendem a ser mais delicados – quando comprados optar por tonalidades escuras e igualmente invistir em impermeabilização. E sempre que possível, deixa-los fora da caixa para evitar que criem manchas por ficarem muito tempo guardados

 

- Ténis
Deve-se tratar os ténis com o mesmo cuidado que os sapatos altos. Limpa-los com uma escovinha úmida e evitar produtos que possam desbotá-los ou causar danos nas partes de borracha. Outro erro bastante comum é colocá-los directamente na máquina de lavar roupa

 

- Tamanho único

Nunca emprestar sapatos. Por mais que as outras pessoas usem o mesmo tamanho, a forma do pé, assim como a maneira de andar, são diferentes e isto pode deformar os sapatos ao ponto de comprometer o conforto e saúde dos pés

 

Style you

A ver!

madonna-blond-ambition-1200x805.jpg

Foi em 1990 que a Madonna fez a tourné mundial mais controversa da sua carreira, a Blond Ambition, que a Rolling Stone reconheceu como o maior espectáculo da década.

 

Censurada pelo vaticano, foi nela que a cantora usou o famoso soutien de Jean Paul Gaultier e teve como companhia os seus dançarinos, que faziam principalmente o voguing, estilo de dança que os gays, sobretudo os afro-americanos do Harlem, em NY, usavam para se auto afirmar perante a sociedade homofóbica da década de 1970. Anos mais tarde, a Madonna popularizou a dança num de seus maiores hits, Vogue.

 

Blond Ambition também rendeu o clássico documentário In bed with Madonna, que na época atingiu a maior bilheteria da história. O documentário revela os bastidores da tourné, acompanhando a relação da cantora com toda a sua equipa, e aborda temas como homossexualidade, religião, fama, divórcio, relacionamentos, morte e Sida. Natural, portanto, que os seus nove dançarinos, sete homens e duas mulheres, fossem igualmente grandes estrelas – Madonna inclusive chamava-os de “meus filhos”.

 

Os dançarinos foram selecionados por meio de anúncios e audições abertas. Entre os homens, Oliver Crumes é o único heterossexual, diferente de Luis Camacho, Salim Gauwloos, Jose Gutierez, Kevin Stea, Gabriel Trupin e Carlton Wiborn, todos homossexuais. In bed with Madonna também foi importantíssimo à época por conta da intimidade que foi registrada dos dançarinos enquanto gays, inclusive com o beijo de Gabriel e Salim – eles foram os representantes que serviram de referência para que muitos gays do mundo inteiro fossem quem realmente são.

 

Agora pela primeira vez após 25 anos, os directores Ester Gould e Reijeir Zwaan reuniram esses dançarinos no documentário Strike a Pose, com o intuito de examinar as consequências que este período proporcionou para cada um.

 

Strike a Pose, o documentário a não perder, foi lançado ano passado e exibido nos festivais de Berlim, Amsterdão e Tribeca e em breve com lançamento digital para download.

 

Ver o trailer aqui.

Os Sapatos Baixos

Todas as mulheres têm fascínio por sapatos, não importa se são de salto ou baixos, todas gostam de ter uma diversidade de sapatos no guarda-roupa e Aproveitar cada ocasião para usá-los.

 

Entre os vários tipos sapatos, os baixos são igualmente muito importantes, além de serem confortáveis, existem em vários estilos.

 

Apesar de serem uma opção conveniente, os sapatos baixos também podem ser elegantes, basta escolher o par certo!

 

A ter em conta os vários tipos de sapatos baixos e como adapta-los às necessidades:

- Mocassins

Classicamente Mocassins são os complementos perfeitos para um guarda-roupa executivo ou para uma saída casual. Neste caso o material é que diz quando usá-los. Um par de sapatos de couro brilhante realça um guarda-roupa para o escritório, enquanto os mocassins de outros materiais e cores podem servir para usar com umas calças de ganga, calções ou vestidos curtos

 

- Sabrinas

Para um visual mais romântico e/ou casual os sapatos tipo bailarina são mais recomendados. Existem em inúmeras cores e com variados padrões. Ao mesmo tempo este tipo de sapato vem com enfeites como laços, acessórios, etc. Para usá-las correctamente o melhor look é um vestido ou saia na altura do joelho

 

- All star

Nos dias de hoje, estes tipo de calçado não deve faltar em nenhum guarda-roupa. Actualmente há vários modelos que se encaixam num modelo desportivo e dão uma aparência muito feminina, sem descurar a comodidade deste tipo de calçado. Pode-se brincar com as cores para ficar com um visual original, e mais atrevido há padrões fortes e cores neon

 

- Peep toes

É errada a ideia de que este estilo de sapato está associado somente ao estilo executivo - um sapato peep toe pode ficar muito elegante e ajudar a conseguir um estilo vintage ao mesmo tempo cómodo

 

- Sandálias

Sandálias são um clássico no guarda-roupa feminino para a temporada de verão. O sucesso deste tipo de sapato baixo é que se pode usar com qualquer estilo e o modelo certo pode ajudar a mostrar as pernas em saias e vestidos

 

Style you

A Não Perder!

ModaLisboa.jpg

A próxima edição da ModaLisboa muda-se do Pátio da Galé para o Centro Cultural de Belém. Sob o tema "Boundless", acontece já esta semana, a 9, 10, 11 e 12 de Março, no CCB, e apresentará as Colecções para Outono-Inverno 2017 dos criadores nacionais.

 

O Centro Cultural de Belém vai a ser o palco da próxima edição do evento de moda da capital, cujo título "Boundless" (sem fronteiras) surge inspirado na moda sem limites, sem restrições e sem reservas;  na Moda como algo que é infinito e interativo, que exige a intervenção de vários atores, e que continua a sua ação muito para além da apresentação das coleções e dos desfiles. Uma indústria poderosa que se alimenta de criatividade e movimenta milhões de euros em todo o mundo.

 

"A Moda, que já era global antes da globalização, recupera a sua identidade e a sua autenticidade, refletindo um mundo que está realmente interligado e que não pode ser limitado por espaços, regras, calendário, geografia ou simples autoria. É o nosso património comum, a nossa linguagem universal, a nossa partilha emocional"., explica a ModaLisboa em comunicado.

 

Boundless, segundo a organização, é um apelo à participação, à interatividade, à extensão dos modelos e dos géneros, para que todas as partes façam parte de um todo. O tema é como um desafio à forma como queremos continuar a olhar para a Moda em Portugal e no mundo.

Cor de Cabelo Vs Cor da Roupa

A maior parte das mulheres opta por mudar, muitas vezes, o corte e cor de cabelo, e às vezes não tem em conta como o combinar com a roupa - é uma boa opção combinar o corte e a cor do cabelo com a roupa que se vai querer usar.

 

Primeiramente deve-se escolher a roupa de acordo com a morfologia, estilo e claro o gosto pessoal. Contudo pode-se destacar a beleza natural e do rosto, combinando o cabelo com a roupa. Efeito garantido para as mulheres que gostam de ser mais elegantes e atraentes!

 

Algumas cores de cabelo, quando bem combinadas com a roupa, favorecem muito o visual, enquanto outras podem ser bastante redutoras.

 

A ter em conta a cor que se deve vestir e de acordo com a cor do cabelo:

- Para morenas

Dar preferência ao turquesa, o encarnado, azul safira, o violeta e o verde lima

 

Estes são alguns exemplos, contudo as cores que mais combinam com as morenas são as cores chamativas para que contrastem com o cabelo e produza um bom efeito visual

 

- Para loiras

A maior parte das cores fica bem com esta cor de cabelo, porém e para as mulheres que se querem destacar, o vermelho, azul e o prateado, ficam divinos  

 

- Para cabelos pretos

O próprio preto, o branco, o azul, o violeta e o cinzento ficam maravilhosos. A cor da maquilhagem irá influenciar de uma forma bastante positiva, às mulheres que pretendam usar outras cores

 

- Para ruivas

A saber que todas as cores combinam com este tom de sua pele, mas o turquesa e o verde em qualquer tonalidade ficam estupendos. E para as mulheres que queiram  estar fantásticas, o preto é a cor a usar

 

Style you